Pessoal, Trabalho

Home office, trabalhando em casa!

Olá, aqui estou eu mais uma vez atrasada! Aos poucos estou organizando a vida, o tempo e a vontade de escrever sobre coisas diferentes (confesso que a inspiração está difícil, mas agora creio que a coisa vai andar!).

Pois bem, faz um tempo que estava querendo postar sobre um dos benefícios mais legais do meu trabalho: o home office! Não quero misturar as coisas e fazer muitos posts relacionados ao meu trabalho e rotina, mas acho que esse é um assunto bem legal, pelo menos para quem tem curiosidade ou gostaria de saber como funciona trabalhar em casa, prós e contras, etc. Então vamos lá!

Primeiramente gostaria de começar falando que eu não trabalho 100% remoto, ou seja, alguns dias da semana eu vou para a empresa e outros fico de casa, então oficialmente eu não sou “home office” como se diz na empresa. Essa é uma flexibilidade que os gerentes do meu departamento dão aos funcionários, por isso é importante não confundir as coisas quando se está em casa, afinal, trabalho é trabalho e você não gostaria de perder tal benefício, correto? Mesmo porque há pessoas confiando que você trabalhará tão bem como trabalharia se estivesse na empresa.

Agora vamos lá, não são todos as áreas que é possível ter essa flexibilidade (obviamente estou falando as que realmente não podem e não as que as empresas não deixam), para certos empregos é essencial você estar presente para cumprir com seu papel, como por exemplo visitar um cliente, em certos casos até é possível fazer uma ligação ou reunião por conferência, mas em outros você precisa estar presente, não tem jeito. Esse não é meu caso, mas é sempre bom citar o porque algumas empresas não adotam esse estilo de trabalho, entre outros motivos, claro.

mesa

(Minha mesinha, quando estou aqui em casa é onde eu trabalho :D)

Trabalho na área de desenvolvimento de software, nesta área é muito comum se ter vagas remotas, ou seja, com possibilidade de trabalhar de casa (ou em qualquer outro lugar que não seja a empresa). Como disse anteriormente, é importante levar em conta alguns fatores para que não prejudique seu trabalho:

Ter uma boa conexão de internet, estável e rápida! Não dá para justificar que sua internet parou de funcionar, então é bom ter um plano B. Na pior das hipóteses, você vai ter que ir na empresa. O que eu faço: além de ter um bom link de conexão, também tenho 4G caso algo aconteça e também tenho a possibilidade de trabalhar de outros lugares: casa da mãe, sogra hahaha e por aí vai…

Um espaço confortável e silencioso para que você possa trabalhar em paz! Acho que isso vale para qualquer trabalho não é mesmo? É importante ter um lugar legal onde ninguém vá ficar te interrompendo toda hora, eu faço muitas ligações as vezes para pessoas de outros países então o silêncio é fundamental;

Vai utilizar o telefone para fazer reuniões? Então tenha tudo preparado! O que eu faço é utilizar o celular para entrar em reuniões, ou então o Skype, para os dois casos utilizo um 0800 da empresa, então para que a ligação fique boa, ter bons headphones é importantíssimo! Nada mais chato do que as pessoas da outra linha não conseguirem, entender o que você fala!

Ambiente limpo, mesa e cadeira confortáveis: acho que nem preciso falar sobre isso certo? Pense que você vai ficar 8h do seu dia sentado (não direto pelo amor de deus!), então ter uma cadeira boa para sua postura e uma mesa na altura certa também é importante.

E por fim (se eu não esqueci de nada hehe), sua família precisa saber que você está trabalhando e não brincando! Então deixe todos cientes que aquela não é hora para ficar pedindo favores, conversando (até pode nos seus breaks) ou coisas do tipo.

Outra parte legal do meu trabalho em relação a essa flexibilidade é que meu marido também trabalha em casa! Trabalhamos na mesma empresa, então ficamos lado a lado hahaha é bem engraçado, o lado bom disso é ficarmos juntos e ter alguma noção de como é nosso dia-a-dia, é bem interessante.

O home office, também nos possibilita trabalhar de outros lugares, como por exemplo shoppings! Já fiz o teste duas vezes aqui na minha cidade, claro que de acordo com todos os fatores citados acima, conseguimos um lugar mais reservado e ficamos lá o dia todo fazendo nossas coisas 🙂 ninguém nos atrapalhou e ainda quebramos a rotina saindo de casa (senão fica bem chato as vezes).

É preciso tomar cuidado para não passar o dia todo sentado e esquecer de algumas coisas básicas, vou listar algumas a seguir:

Quando vamos para o trabalho, encontramos colegas, conversamos e trocamos idéias, sempre rola aquele cafézinho logo de manhã e no meio da tarde, também tem as idas ao banheiro, reuniões presenciais e por aí vai. O que isso significa? Varias coisas, mas nesse caso que você vai levantar mais. Quando estamos em casa, muitas vezes não temos com quem conversar e fazemos tudo isso sozinhos ou por telefone (no caso de reuniões), então é importante levantar, ir ao banheiro, comer, etc. A cada 1h levante da cadeira, seu corpo e mente agradecem!

Outra coisa sobre isso é que: na empresa você vai encontrar pessoas, discutir problemas e idéias, ter reuniões. Em casa tudo isso é feito por telefone ou programa de bate-papo (eu uso IRC), como estamos sozinhos em casa, é legal manter sempre contato com os outros, seja utilizando qualquer um desses métodos;

Gostaria de aproveitar e falar sobre uma técnica muito utilizada na minha área, mas isso serve para qualquer área, principalmente se você tem problemas para terminar tarefas, falta de concentração ou se a procrastinação fala mais alto! Estou falando do Pomodoro!

pomodoro1

Mas que diabos é isso?

“A Técnica Pomodoro é um método de gerenciamento de tempo desenvolvido por Francesco Cirillo no final dos anos 1980. A técnica utiliza um cronômetro para dividir o trabalho em períodos de 25 minutos chamados de ‘pomodoros’.”

É muito fácil: você vai escolher uma tarefa que precisa terminar, utilizando um cronômetro você vai ter 25 minutos para trabalhar nessa tarefa, 25 minutos FOCADOS ou seja, nada de Facebook ou distrações! Feche tudo e fique esse tempo inteiro focado nessa tarefa, só pare quando o cronômetro avisar. Quando der o tempo pare imediatamente a tarefa e tire 5 minutos de pausa, mas pare MESMO, nada de continuar fazendo.

Faça isso até terminar suas tarefas, o objetivo é ter os 25 minutos de foco e depois ganhar uma recompensa durante os 5 minutos de pausa, você pode acessar o Facebook, comer alguma coisa, tomar um café, enfim, é importante ter essa recompensa, pois assim seu cérebro vai saber o tempo de foco e o tempo de pausa.

Vejam esse quadrinho que fofo, explicando mais sobre a técnica: Uma longa noite aprendendo.

Acho que já me alonguei demais com esse post! Vou finalizar com meus pontos de vista sobre os prós e contras de se trabalhar remoto, acho que com o tempo sempre vou aprendendo mais e aplicando no trabalho, então esses pontos podem mudar ao longo do tempo 🙂

Prós

Ficar em casaaaaa \o/ hahahaha quem não detesta uma segunda-feira não é verdade? Tudo melhora sabendo que você vai poder ficar na sua casa, ainda mais com aquele dia chuvoso ou pior ainda no frio!!! Nada como poder dormir mais!

Ter a flexibilidade de resolver problemas pessoais, algumas vezes precisei ir ao médico e como já estava na cidade, facilitou demais minha vida! Coisa que seria impossível se eu tivesse que ir na empresa todos os dias, teria que pegar um day off provavelmente. Também poder esperar aquela encomenda pelos correios e poder receber não tem preço! hahaha

Economia de tempo na ida e volta para o trabalho, nossa esse é um ponto fueda! hahaha Quando eu e meu marido íamos os dois para a empresa, deos do céu, eu acordava 5:30 da manhã!!! Isso porque meu trabalho fica em outra cidade e como pegávamos fretado então tínhamos que estar no ponto 7:30, senão já era;

Qualidade de vida: acho a mais importante de todas! Nada melhor do que você terminar o expediente e já estar em casa, ou ter a possibilidade de ir na academia logo de manhã sem ter que se preocupar em sair correndo para ir trabalhar (afinal, você não vai precisar se arrumar todo para ir pra outra cidade e já vai estar perto).

Contras

Ficar acomodado com o trabalho: acho isso o pior, muita gente acaba se acomodando por causa do home office, fica relaxado, não quer ir mais na empresa, não dá as caras e acaba relaxando nas tarefas! Isso não pode acontecer de jeito nenhum, como disso no começo desse post, pessoas estão confiando que você faça um trabalho bem feito como faria se estivesse na empresa!

Não saber separar hora de trabalho e hora de descanso, não é porque você está em casa que pode fazer o que quiser, afinal, você está trabalhando 🙂

Ficar por fora do que acontece no time, acho que essa é bem importante. Uma vez que você não está na empresa, não vai saber o que acontece de perto no seu departamento, por isso é importante ir de vez em quando para ter contato com as pessoas e não parecer um fantasma no time!

E por fim: chega uma hora que enche o saco! hahahaha sério, ficar sempre em casa acaba cansando, ou você busca sair da rotina como por exemplo trabalhar em outros ambientes ou vai as vezes na empresa, sem falar que no meu caso tem dias que eu fico sozinha em casa, então é muito chato!

Acho que é isso, espero não ter esquecido de algumas coisas! Se eu lembrar faço outro post!

Até a próxima! 🙂

Comentários

  1. Menina, pensa na pessoa que procrastina… Na verdade, eu alterno períodos de atividade intensa com períodos de pura preguiça de existir, sem enxergar nada que valha a pena. Por isso não posso ter esse privilégio, eu não seria capaz de fazer nada se estivesse no meu período mais desanimado. Home office tem milhões de vantagens se você souber separar as coisas. Eu não sirvo pra isso infelizmente…

  2. Não trabalho em casa muitas vezes, mas quando trabalho fico tão preocupada em render que acabo trabalhando mais do que na empresa ahahah

    Concordo muito quanto ao ambiente confortável é importante ter tanto na empresa quanto em casa, né?

    Não sabia que vc e o maridão trabalhavam juntos, que bacana! 🙂

    Que legal essa técnica Pomodoro, não conhecia! Estou pesquisando mesmo sobre alguns métodos de produtividade, pretendo ir mais a fundo nesse.

    Essa questão da qualidade de vida faz toda diferença, né? Sinto muita falta de poder fazer minhas atividades em horários alternativos. Quando saio da empresa tá escuro demais pra eu correr na rua, aqui em Junds é meio perigoso, então acabei deixando de lado essa tividade que tanto gosto =/

    Adorei ler sobre sua visão, Bia! Faça posts informativos assim mais vezes 🙂

    Beijão!

  3. Também trabalho em casa, mas como autônoma, vai fazer mais de um ano já já. Enche o saco mesmo. Fora isso, o maior problema é quando meu namorado tá em casa e ele quer contar alguma coisa, mas estou trabalhando. Bem isso que tu disse, tem que falar que não pode, fingir que não to em casa. Mas compensa pelo salário.. ou no caso, o dinheiro que faço. Trabalhar com criação em agencias não vale a pena, pelo menos em Curitiba. Mas no geral eu gosto, prefiro muito mais que trabalhar tradicionalmente. Beijos!

  4. Oii! Realmente trabalhar em casa melhora a qualidade de vida, principalmente na cidade de São Paulo que gastamos muito tempo no transito! Achei seu post bem completo, eu adoraria trabalhar em casa, mais ao mesmo tempo ficaria com medo de me acomodar com a comodidade e acabar abrindo mão de outras oportunidades.

    Beiijos!

  5. Oi Bia!

    Adorei o post. Eu adoro essa ideia de poder trabalhar em casa. É muito bom que as pessoas estejam mais abertas a isso. Com a tecnologia fica tudo mais fácil, né?

    Sou doida pra trabalhar de home office também!

    Beijo :*

Deixe uma resposta

Your email address will not be published / Required fields are marked *