BEDA, Throwback Thursday, Viagem

#TBT: Viagens

Hoje é quinta-feira dia de quê? Throwback Thursday! Confesso que conforme os dias vão se passando no BEDA, as ideias para posts também vão indo embora… 😂 Como planejei alguns já para postar até que ainda tem muito assunto para se escrever (infelizmente não para o mês todo, mas eu dou um jeito 😬).

Hoje decidi falar um pouco sobre algumas viagens nostálgicas que eu já fiz durante minha vida, sejam elas com meus pais (antes de casar) ou depois que me casei (espero aumentar o meu número de viagens depois de casada em breve 🤣). Eu não sei se terei fotos de todas essas viagens, provavelmente não mas tudo bem o que importa são as boas memórias que ficam e que eu vou tentar passar aqui no texto.

Praias! Muitas praias! 🐠
Desde pequena meus pais sempre gostaram muito de viajar pelo Brasil e sempre escolheram muitos lugares maravilhosos para conhecermos nas férias de final de ano. Eu como sou baiana e morei até meus quase 6 anos lá na minha cidade natal (Itabuna) praticamente vivi nas praias do sul da Bahia todos os finais de semana! Ilhéus, Morro de São Paulo e Itacaré foram os lugares que mais visitamos nessa época, eu amava! Não esqueço uma viagem muito legal que fizemos para a Ilha de Boipeba (depois de 2h de viagem de barco) e apesar de fazer muitos anos tenho boas lembranças dessa viagem!

Além das praias da Bahia, tenho boas memórias de outros lugares como por exemplo Florianópolis, pois gostava muito de viajar para lá com a família (também nas férias do final do ano). O único inconveniente é o caos do inferno que a cidade vira após o Natal, mas acredito que isso aconteça em todas as cidades turísticas do Brasil…

Europa
É óbvio que não posso deixar de falar do meu primeiro contato com o mundo a fora! Durante meu intercâmbio em Dublin, eu era uma estudante de Inglês e não conseguia la guardar muito dinheiro para viajar, então eu e meu marido não aproveitamos muito nesse quesito. Depois que estávamos decididos voltar para o Brasil, não poderíamos vir sem antes conhecer alguns lugares.
Essa com certeza foi uma das melhores épocas da minha vida! Nunca ri de tantas situações inusitadas antes. 🤣 Não vou entrar muito em detalhes sobre os lugares em si, pois quero fazer um  outro post sobre o assunto, mas vou te contar, passamos por cada situação hilária!

A história do alho:
Um dos nossos destinos era a cidade de Paris, afinal, como ir para a Europa sem ver a bendita torre Eiffel? Para economizar quisemos ficar em um hostel e assim poderíamos alugar um carro, já que ficaríamos quase uma semana na cidade. Foi uma boa ideia pois pudemos conhecer os lugares e não morrer de frio andando de um lado para outro (fizemos a viagem no inverno).

Porém já que iríamos ficar num hostel, precisaríamos ir ao mercado comprar comida e alguns mantimentos pois a ideia era economizar com essa parte. Comprei tudo que tinha direito e era tudo muito barato! Comprei arroz, carne, temperos.. ALHO. Tudo para fazer uma comida mara!

Ok, até aí foi tudo maravilhoso, conseguimos fazer nossa comida e curtir a viagem sem grandes problemas. Estava na hora de partir para o próximo destino e todas as viagens que fizemos de um país para o outro foi de avião (thanks Ryanair 👍🏻). Pegamos tudo, colocamos no carro e partimos para o aeroporto! Ao entrar no avião e sentar nos nossos assentos, coloquei a mão no bolso do meu casaco para procurar documentos e tudo o mais, adivinha só o que eu achei nesse bolso?

Alhinho da sorte! 😂 Depois me dei conta que não temperei a comida direito… 🤔

Vou me limitar a falar isso dessa viagem por enquanto! 🤣 Sempre que lembro de Paris eu penso nesse bendito alho que eu ainda trouxe para o Brasil e finalmente usei no meu arroz!

EUA
Minha primeira vez viajando para os Estados Unidos foi em 2013 e essa foi uma das melhores viagens que já fiz na vida, pois além de conhecer dois lugares que eu e meu marido sonhávamos em conhecer (Miami e Nova Iorque), pudemos passear e curtir muito!
Se você ainda nunca foi para lá e planeja ir leve malas extra e muita paciência para ir em shoppings e outlets, porque o lugar é MARAVILHOSO e você vai querer comprar a porra toda!

Claro que as duas cidades também são ótimas para passear e relaxar (menos NY, lá não tem como relaxar, o povo é estressado igual em São Paulo 😂). Eu particularmente AMEI Miami muito mais do que NY pois achei que tem mais coisas para fazer fora da cidade (praias ❤️), mesmo porque vai chegar uma hora que você não vai mais aguentar ficar andando em NY para todo o canto.

O post foi bem curto, mas pretendo fazer outros sobre essas viagens e outras! Gosto de detalhar mais sobre essas coisas já que pode acabar ajudando quem tiver interesse em conhecer esses lugares. 😄

Até o próximo post!

0 Comentário




BEDA, Resenha, Viagem

Viagem: minha experiência com o Airbnb

~ Esse post faz parte do #BEDABlog Every Day August – Rotaroots! ~

Estamos na reta final do BEDA, logo mais tem Blog Day e finalmente voltaremos com a programação normal (ufa, porque cansa demais postar todos os dias!).

Screen Shot 2015-08-23 at 5.42.48 PM

Apartamento em que ficamos hospedados.

Faz algum tenho que venho planejando falar sobre hospedagens quando vou viajar, então acho que já enrolei demais, hoje vou contar como foi minha experiência utilizando o Airbnb. Para quem não conhece, é um serviço onde você pode colocar sua casa para alugar para quem for passar alguns dias na sua cidade, diferente de um aluguel, o valor é cobrado por dia, assim como um hotel ou albergue, mas diferente de um hotel, os preços são infinitamente melhores!

Conheci o serviço através de um colega de trabalho, em 2013 eu tiraria férias e ainda não tinha fechado nenhum hotel em Miami, que por sinal todos que eu vi eram MUITO nojentos e como eu não ganhei na mega sena, não podia gastar uma fortuna nisso. Muito bem, quando fui pesquisar sobre o Airbnb, pude ver muitos mas muitos lugares ótimos para ficar, nessa viagem que fiz, usei o serviço apenas em Miami, já em Nova Iorque, tem um certo problemas com as leis de lá, pois é proibido alugar apartamentos por menos de 30 dias (espertinhos eles né?), típico de NY né, imagino o barraco que os donos de hotéis não fizeram para conseguirem uma lei dessas (oi? parece o barraco do Uber em SP).

Screen Shot 2015-08-23 at 5.43.03 PM

Enfim, fiquei em um apartamento de um casal em Fort Lauderdale, fomos super bem recebidos por lá, e como estávamos indo de carro de Atlanta para Miami, só iríamos chegar tarde da noite. Simplesmente amamos o serviço e o lugar que ficamos, tudo muito limpo e justo ainda ganhamos moedas para lavar/secar as roupas na máquina de lavar coletiva do local. ❤️

Na época que usamos o serviço, era tudo comprado em dólar e o valor era convertido pelo seu cartão (usando o valor do dólar de acordo com o banco e essa patifaria toda), mas felizmente eles se tocaram que aqui não se ganha em dólar, e hoje em dia é possível pagar até com PayPal e tudo em reais (acho que rola até parcelar), finalmente né queridos?

É muito importante estar de olho na descrição do local e também nos reviews de quem já se hospedou, há lugares que não aceitam cancelamento, ou seja, se acontecer alguma coisa, você não vai ter seu dinheiro de volta, outros são mais flexíveis, abaixo tem um exemplo de tudo que encontrei no meu apartamento:

Screen Shot 2015-08-23 at 5.43.42 PM

Também há outros itens na descrição do local, como regras da casa, horários de check in e check out, etc. Eu não tive nenhum problema com o serviço ou com os donos da casa, muito pelo contrário, eles foram super atenciosos! Esse ano pretendo voltar lá, inclusive já fiz minha reserva. Caso tenha interesse em conhecer o lugar que me hospedei, aqui vai o link: HOME —–sweet—– HOME, como o próprio anúncio diz, não é nada luxuoso, mas você será muito bem tratado e terá tudo o que precisa!

Espero ter esclarecido alguns aspectos sobre o Airbnb, caso tenha alguma dúvida, deixe um comentário que eu respondo.

Até o próximo post!

3 Comentários